segunda-feira, 15 de abril de 2013

Interpolação de Shape Keys combinados com Rig Facial

Cada artista faz o "rig" da maneira que ele acha melhor. Eu tenho o costume de usar, de maneira combinada, o "rig" facial de "armatures" com "shape keys" corretivos. Uma das razões para isso é que eu sou muito exigente quando o assunto é animação. A grande maioria dos artistas ou faz só "rig facial" (com "bones" e "armatures") ou usa apenas "shape keys". Sendo "shape keys" o mais amplamente utilizado até onde eu tenha visto, exceto por "rigs" altamente realistas que utilizam sistemas musculares completos. Mas nos "rigs" com "shape keys" puro, tem a característica de ter ótimo controle de formas mas não tão bom nas transições entre esses formatos chaves. O "rig facial" permite uma excelente flexibilidade e menos preocupação com o formato em si, mas isso resulta em menos controle. Sendo assim eu utilizo os dois combinados, é um pouco mais de trabalho mas como disse minha auto-exigência clama por isso, sendo assim temos a maior flexibilidade e ótimos formatos de transição do rig facial aliado ao excelente controle que se tem ao fazer "shape keys". Este é apenas um artigo de debate, talvez eu faça no futuro um tutorial sobre "rig" facial, mas esse assunto é muito vasto e mais difícil de ser abordado, necessita de muito planejamento para ensinar. Bom mas vamos a um exemplo prático, é sutil mas é um exemplo real que eu acabei de vivenciar corrigindo o "rig" facial de Beatris, minha personagem feminina.
Depois de muita tentativa e erro eu cheguei numa espécie de padrão, fazer um "cordão" de "bones" nos labios e deixar a buchexa ser corrigida por "shape key" para fazer o vinco do sorriso e corrigir o aumento de volume da buchexa. Neste vídeo é a versão final de um teste de expressões facial:



Prestem atenção no vinco do sorriso, a linha que se forma quando sorrimos, como ela se movimenta, vamos comparar com este:




Eu sei que é muito sutil mas assistam várias vezes e prestem atenção na sensação, notaram que o segundo vídeo a pele parece mais dura, quase como lona e o primeiro parece mais macia. Isso se deve ao título desse artigo, a interpolação utilizada. Tanto no primeiro caso como no segundo utilizei uma parábola, uma equação de segundo grau do tipo a*x*x+b*x+c, sendo a, b e c constantes, como interpolação. Essa é outra vantagem de se utilizar o rig facial combinado com shape-keys, essa interpolação não linear não é possível no rig com shape keys puro. No vídeo final a parábola seria com concavidade para baixo enquanto no segundo vídeo seria com concavidade para cima. Faz diferença. Uma interpolação linear pode ser vista no vídeo a seguir:


Notaram como é meio sem atrativos? o vinco se forma progressivamente do início ao fim do sorrizo, enquanto que na melhor maneira ele se forma rapidamente no início e vai tendo incrementos cada vez mais suave com o progresso do sorriso  Na versão do segundo vídeo o vinco se forma com pequenos incrementos no inicio e esses incrementos vão aumentando cada vez mais até que o vinco se forma rapidamente no final dando a impressão de uma pele mais dura
Não estou dizendo que um é melhor do que o outro ou qualquer coisa do tipo, apenas estou dizendo minha preferência pessoal, mas isso é uma tendência  Em um projeto com prazo curto e personagens secundários "rigs" com "shape keys" puros são mais rápidos e devido ao número menor de cenas, provavelmente não causaria grandes transtornos. Tudo depende do orçamento, tempo de execução, experiência da equipe, e etc. Vários fatores para escolha.
Aqui vai uma imagem, espero que clarifique algumas ideias, do rig facial dela.
Não acho que vão entender tudo de primeira, pelo menos não a maioria, mas adoro responder perguntas sobre minhas idéias, pode ser em inglês e português pelos comentários do artigo.
Espero que tenham aprendido algo interessante. ^^

Finalmente atingido o objetivo do Grab Your Gum

Animação Cartoon em 3d estilo dos grandes gênios da animação tradicional. A união perfeita entre a praticidade da quantidade de...